Viagem ao Senegal (Dia 4)

St.Louis, outrora capital, parece uma cidade fantasma. Em certos locais chegava a parecer um parque temático, como se estivessemos na EuroDisney:
DSC07777
Ou numa novela brasileira com as grandes "fazendas":
F (146)
Seria impensável ter esta imagem na nossa segunda cidade, o Porto:
IMG_2596
Onde as crianças são felizes com pouco e têm sempre um sorriso para os estranhos:
IMG_2592
Continuámos junto ao rio:
F (155)
F (154)
DSC07781
E só depois de dar toda a volta é que percebemos que a parte central se tratava de uma ilha (à direita):
IMG_2633
Então passámos uma das pontes para ir junto à porção de terra junto ao mar, que a denominam como a vila dos pescadores:
F (161)
Aqui já havia mais movimento, com extensos mercados (onde comprei umas chinelas do Senegal que viriam a fazer muito jeito):
DSC07799
Vimos o monumento aos mortos da primeira grande guerra mundial, guerra essa que por falta de soldados, os franceses ali foram recrutar. Morreram muitos milhares de Senegaleses e a mágoa pelos colonos traduz-se nas conversas amargas sempre que o tema "França" vem à baila já que se tratou de uma guerra sem sentido para estes:
DSC07795
Olhando para as árvores víamos morcegos do tamanho de coelhos, e se isto já era estranho mais estranho se tornou por estarem em movimento em pleno luz do dia:
DSC07805
Como havia pouco para ver, ao fim da manhã resolvemos partir até aos Delta de Saloum, uma viagem de mais de 300km para sul. Não parámos de sorrir pois todas as crianças, e mesmo pessoas mais velhas, nos saudavam e sorriam de forma genuína, sem nada em troca:
IMG_2680
Apenas parámos uma vez, para fazer um piquenique. Aqui podem ver o estado do carro:
IMG_2660
O que explica o facto de só ter pegado ao empurrão quando a polícia nos mandou encostar, se desligou quando chegámos aos caminhos de terra e parou de vez a cerca de 5km do destino. Não sabíamos que faltam apenas 5km pois estávamos no meio da selva. O fumo saía, utilizámos toda a água que tínhamos para o radiador vazio e cada um dava o seu prognóstico (e aqui estou eu a dar o meu entender enquanto os outros estão preocupados =P):
DSC07836
Com a ajuda de um senhor que por ali passou (milagre), acabámos de encher o radiador. Informou-nos da proximidade e então, muito devagar e de capô aberto, lá chegámos a tempo de procurar uma casa onde pernoitar.

10 comentários:

Sara Levy disse...

Estou a adorar, keep up!

Mia disse...

Gosto imenso das fotografias e das descrições que fazes..

Benedita disse...

Estou sempre à espera das próximas!
Fabuloso! Estou a adorar esta viagem que aqui faço.

cê-agá disse...

é outro mundo, outra vida...

Bid disse...

Sara: Obrigado. I will! =)

Mia: Obrigado! Vai por cá passando que irei colocar até ao fim =)

Benedita: É difícil escolher porque são muitas fotos e não quero chatear com 20 ou 30 fotos de cada dia, mas vou tentar continuar assim a escolher umas 10, 15 no máximo que sejam demonstrativas. Obrigado pelo entusiasmo =)

cê-agá: Se é, e tu sabes! Uma riqueza.. =)

Valter Cláudio disse...

Bem, como sempre, fotos e relatos que nos transportam para outros locais, outras culturas, outras formas de viver e saborear o que a vida nos oferece.

Respondendo à tua pergunta, na realidade não costumo andar com a mala assim tão vazia, naquele dia por exemplo levei a DSLR, telemóvel, carteira, tabaco (fumo tabaco de enrolar), um livro, máquina de filmar, óculos de sol, chaves, e penso que é tudo. Mas percebo o teu ponto de vista ou são mínimas ou são gigantes... a nível pessoal prefiro elas maiores, porque normalmente transporto comigo bastantes objectos, preferindo elas maiores com alças não muito grandes e com faixa para colocar a tira-colo quando necessário.

Continua com o excelente trabalho que tens feito, fico curioso com o próximo post.

Abraço

http://valterclaudio.blogspot.com

vanessa disse...

obrigadíssima pelos sites que enviaste! só seguia o stick to target.obrigada!

Bid disse...

Valter: Obrigado pelas palavras e explicação =)

Vanessa: De nada! Até tenho mais, se quiseres envio-te mais alguns =)

Joana disse...

Maravilhoso!

Bid disse...

Joana: É =)